Na leveza de ser…

Em alguns momentos me vejo pensando se o céu seria assim. Cabelos aos vento, um certo silêncio, o sol refletindo na água. Ouço pássaros ao longe, crianças brincando, pessoas passando, em tão completa harmonia!

Continuar lendo “Na leveza de ser…”

Anúncios

Reinventar é preciso, sim!

E ai? O que pretendes fazer de diferente hoje?

Claro, ter uma rotina é necessário, desde que isso seja saudável, até porque ninguém merece cair no tédio e o tédio muitas vezes pode resultar em algo mais grave. Sou uma pessoa que não para nunca, gosto de manter-me ocupada. Alguns podem dizer que a inquietude venha para preencher vazios, mas na realidade apenas gosto de ser assim, ativa! Então, estou sempre estudando, lendo, escrevendo, fazendo coisas diferentes a medida do possível. Continuar lendo “Reinventar é preciso, sim!”

Eu só queria ter…tempo!

Preciso sair em cinco minutos. A manhã passa voando. Logo, o horário de almoço e para aquela pausa para descanso viram o momento de colocar algumas coisas em dia… Mas poxa, não dá. É tudo muito corrido. Vou deixar para a noite. Mas repito. Não dá. Não deu. Não consigo fazer tudo. Hoje não consegui, porque o sono venceu. Continuar lendo “Eu só queria ter…tempo!”

Reflexão: 6 coisas que aprendi esse ano

Sei que parece um título de fim de ano e retrospectiva, está meio cedo pra isso, eu sei, mas, esse ano de 2017 tem se revelado uns dos melhores que já vivi até hoje. Quando o ano de 2016 acabou tomei uma decisão de mudar. Clichê? É sim senhor! Continuar lendo “Reflexão: 6 coisas que aprendi esse ano”

Quando me sinto um extraterrestre…

Quem nunca se olhou no espelho e se sentiu estranho? Tocou o próprio rosto e…Fulana de tal. Meu nome é Fulana de tal. Que sinistro. Essa sou eu? Mas quem é essa Fulana? Olhe esses olhos, esse cabelo, essas linhas no rosto. Essa sou eu. Dou meia volta. Sou pequena, magra, diferente? Talvez. Bonita? Talvez. É sou sim! Continuar lendo “Quando me sinto um extraterrestre…”

Sua maior herança…

“Eu trago no coração as melhores lembranças, e nas dores aprendi a viver.”

Todos possuímos coisas que carregamos no fundo de nossas almas, sejam boas ou não. Mas não são fardos, são aprendizados! Ao menos deveríamos sempre pensar assim. Ou sempre que possível, claro. Continuar lendo “Sua maior herança…”

A pressa é toda sua!

Desde que nos entendemos como sendo seres humanos, somos literalmente obrigados a seguir o que costumo chamar de cronograma social. Quando adultos, ou quando estamos nos tornando um, a pressão é de que você se forme em algo, trabalhe, tenha uma carreira ou, se case, se casar, que logo tenha filhos que irão passar pelo mesmo caminho que você.

Continuar lendo “A pressa é toda sua!”